Câncer de pâncreas (Childs, 2015)

Câncer de pâncreas, bolsa iv

TÍTULO DO ESTUDO: Variação comum em 2p13.3, 3q29, 7p13 e 7q25.1 associada à suscetibilidade ao câncer pancreático

RESUMO: O câncer de pâncreas pode ser influenciado por variantes nos genes LINC00673, SUGCT e TP63.

DESCRIÇÃO: O pâncreas é um órgão atrás do estômago que ajuda na digestão e no controle dos níveis de açúcar no sangue. Para entender melhor a genética que ajuda a determinar o risco de câncer pancreático, este estudo examinou 21.494 indivíduos de ascendência europeia e asiática. Ele identificou três novas variantes genéticas associadas a um risco aumentado de desenvolver esta condição. Uma dessas variantes estava no gene LINC00673, que anteriormente havia desempenhado um papel no câncer. Outra variante significativa foi localizada no gene SUGCT. A proteína SUGCT está envolvida no metabolismo do aminoácido glutarato. Finalmente, descobriu-se que uma variante do gene TP63 estava associada. TP63 também é conhecido como p63 e desempenha um papel na regulação do ciclo celular e na progressão dos tumores. Coletivamente, as variantes identificadas foram responsáveis por cerca de 2% da herdabilidade desta doença.

VOCÊ SABIA? Não fumar, manter um peso saudável, limitar o consumo de álcool e evitar a exposição a certos produtos químicos no local de trabalho são maneiras de reduzir o risco de câncer pancreático. [ FONTE ]

RESULTADOS DE AMOSTRA: Saiba mais sobre o Nebula Research Library .

Resultados de amostras de câncer de pâncreas.

VARIANTES ASSOCIADOS AO CÂNCER DO PÂNCREAS: rs11655237, rs1486134, rs17688601, rs9854771

RECURSOS ADICIONAIS:
Supressor de tumor
Ácido glutárico
Visão geral do câncer de pâncreas
Ciclo celular (vídeo)

ATUALIZAÇÃO SEMANAL: 23 de julho de 2019